Monster Hunter World seria difícil de converter para a Switch

Monster Hunter World é o mais recente jogo da Capcom e foi recebido com incrível sucesso em todo o mundo, demonstrando o entusiasmo dos fãs pelo regresso da série às consolas caseiras.

Lançado para a PlayStation 4 e Xbox One a 26 de Janeiro, previsto para o Outono no PC, Monster Hunter World não foi anunciado para a Nintendo Switch, o que deixou muitos fãs a questionar sobre a possibilidade e a pedir essa versão.

Haruhiro Tsujimoto, presidente da Capcom, falou com o Toyo Keizai Online e reconheceu que existem muitos pedidos para ver Monster Hunter World na Nintendo Switch, mas diz que tal seria muito difícil de conseguir.

Tsujimoto diz que Monster Hunter World foi eito a pensar nas consolas caseiras e em tecnologia de topo, dizendo que seria difícil lançar esse jogo na consola da Nintendo devido a várias condições. O presidente da Capcom diz que a Switch é diferente das outras consolas caseiras, tanto nas funcionalidades como nos utilizadores.

A Capcom sente que o desejo por Monster Hunter na Switch foi respondido com XX, lançado em 2017, acrescentando ainda que os jogos são feitos a pensar nas características de cada plataforma e no quão bem se encaixam nelas.

Tsujimoto diz que o mais importante é criar jogos com grande qualidade, capazes de entusiasmar os jogadores, mas acima de tudo que sejam diferentes dos jogos apresentados pelas outras editoras.

Para a Capcom, a comunicação com os jogadores é igualmente importante e promete continuar a utilizar a internet para estabelecer essa ponte.

Share